Além de animarem a internet, agora eles também são heróis da vida real

...
Reprodução/Twitter
...



Que o Brasil está ficando cada vez mais bizarro todo mundo já sabe, mas algumas vezes essas bizarrices se tornam em algo bom. Foi o que aconteceu hoje na manhã desta quarta-feira em uma cidade no Sul de Minas Gerais.

O Grupo conhecido como “ Carreta Furacão ” ficou muito conhecido na internet por trazer um grupo de personagens clássicos, como homem-aranha, fofão, Mickey, Popeye, dançando nas ruas e andando em um trenzinho animando todos na rua e na internet fazendo um enorme sucesso, no ano passado, houve até um boato de que eles se apresentariam no Rock In Rio.

O Grupo em questão na notícia não se trata dor originais da carreta furacão, mas de outro grupo que faz um trabalho parecido em Minas Gerais, eles estavam se preparando para mais um dia de apresentações quando se depararam com uma casa pegando fogo, os heróis não pensaram duas vezes e foram ajudar a resgatar a família em perigo.

Segundo o jornal “Bom Dia Brasil”, da Rede Globo, um homem identificado como Joaquim Afonso Sebastião ateou fogo na residência de sua filha, que agora está internada, havia também uma criança na casa, mas que passa bem. O Homem foi preso.

Ver também:  Mulher foi vender uma cama no facebook, mas o dono apareceu

No vídeo divulgado, é possível ver o homem-aranha e o flash ajudando os populares a controlar o incêndio. As Imagens já estão sendo divulgadas em toda a internet e muitos internautas elogiam o ato heroico dos personagens da carreta furacão.

No Twitter, um internauta com o username @Dre_Vins disse “Eu quero ser membro da carreta furacão: Eles são heróis, Eles dançam, Eles salvam vidas, Eles dançam, Trazem alegria”

Assista ao vídeo que foi exibido no Bom dia Brasil e que já circula nas redes sociais:




Siga em frente, olhe para o lado e salvem o dia! 


Se você gostou da matéria continue navegando no site! Este é o site oficial da fanpage Este é Alguém do facebook. Aqui teremos uma extensão a mais de assuntos que são abordados na página, mas que precisam de um espaço maior para falarmos sobre. Se você tem alguma sugestão é só escrever nos comentários que estarei lendo todos eles.